• Érika Motta

Atribuições de um cuidador


Devido à falta de formalização da profissão do cuidador, um tema muito debatido na área de homecare é as atribuições desse profissional. Como o cuidador de idosos ainda se enquadra na categoria de empregados domésticos. Muitas pessoas que contratam cuidadores têm o entendimento de que estes profissionais devem cuidar, além do idoso, da casa também. Limpar a casa toda, lavar as roupas da família, cozinhar para a família são algumas das funções que o cuidador de idosos *não* deve fazer.


É fundamental ter em mente que o cuidador de idosos é um profissional de saúde, que atua no ambiente doméstico e portanto, suas atribuições ficam restritas ao cuidado com a saúde e o bem-estar social e emocional do idoso. Afinal, quando um cuidador está ocupando seu tempo com tarefas domésticas, é inviável que ofereça, simultaneamente, atenção ao idoso.


Por estes motivos ao contratar um cuidador de idosos, é necessário entender as atribuições da função. São elas:


  • Cuidados com a higiene do idoso: estes cuidados não se limitam ao banho, mas contemplam também o cuidado com a higiene oral, hidratação da pele, cuidados com as unhas, cabelos e barba.

  • Cuidados com a medicação: garantir que o idoso faça o uso correto de suas medicações; gerenciar a quantidade de medicações e informar a família sobre a necessidade de compra; ter conhecimento sobre as medicações e suas formas de administração. Em outras palavras, embora o cuidador tenha noções básicas de saúde, não cabe a ele diagnosticar, indicar ou receitar remédios, ou ainda ofertar medicamentos não prescritos. Os conhecimentos do cuidador se aplicam somente para observar sintomas de doenças comuns na terceira idade, ou para identificar situações de emergência e pedir por socorro. A aplicação de injeções, cuidados com feridas extensas, trocas de curativos em lesões profundas, por exemplo, são atribuições específicas dos profissionais de enfermagem que a SAID oferece como parte da nossa equipe multidisciplinar.

  • Cuidados com a alimentação: preparar as refeições *não* é atividade que diz respeito à saúde, portanto, não é uma atribuição do cuidador de idosos. No que diz respeito ao cuidado com a alimentação, o cuidador tem o papel de promover a alimentação saudável do idoso, através do estímulo ao consumo de alimentos saudáveis e a ingestão de água para hidratar o corpo. Para auxiliar nesse âmbito a SAID oferece o acompanhamento de um nutricionista para elaborar um plano alimentar que atenda às necessidades de cada idoso.

  • Bem-estar do idoso: o cuidador deve promover atividades que estimulem a cognição e a motricidade fina e ampla do idoso para favorecer a sua autonomia e independência. Estas atividades podem incluir, jogos (cartas, tabuleiro, memória), exercícios (alongamentos, ginástica) e atividades terapêuticas (pinturas, recortes, colagens, como também atividades da rotina diária do idoso como dobrar roupas, estender a cama, sempre respeitando as limitações e os interesses do idoso. Para exercícios mais especializados e focados disponibilizamos um profissional fisioterapeuta para orientação e supervisão durante os exercícios físicos.

  • Acompanhamento: o profissional cuidador pode – e deve – acompanhar o idoso em atividades fora de casa também, como passeios, compras, consultas médicas e exames.



Ficou alguma dvida sobre quais são as atribuições de um cuidador de idosos?

Clique no botão abaixo e fale com um especialista.




45 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo